The Post-A Guerra Secreta (The Post ,2017)

Avaliação do Autor:

Em uma época em que a mídia está sendo atacada e com poderosos querendo cerceá-la, o filme “The Post” é a resposta perfeita, um ode a um dos pilares de uma democracia, a liberdade de imprensa. Para dar uma resposta principalmente à Donald Trump, o diretor Steven Spielberg (“O Resgate do Soldado Ryan”) a consagrada dupla Tom Hanks e Meryl Streep.

O filme começa bem interessante, com um thriller que prende a atenção do espectador, mas depois dos primeiros minutos, o longa cai num detalhismo e numa burocracia que cansa um pouco o espectador, porém o filme se recupera novamente nos últimos 30 minutos. Hollywood já fez várias produções falando da imprensa, sendo que a mais famosa delas é o clássico “Todos os Homens do Presidente”. “The Post”, em seu início, dá esperanças que veremos algo parecido com esta obra-prima, infelizmente, o roteiro patina.

Porém o roteiro faz bem em mostrar a imprensa, com o personagem de Hanks, a família (Meryl Steep) e o poder, representado por Robert McNamara (Bruce Greenwood), o Secretário de Defesa e “senhor da guerra” . Outro acerto do roteiro é não glorificar a imprensa somente e sim questionar também a sua ética, quando Bradlee (Hanks) manda um jornalista do Washington Post espionar a concorrência.

Meryl Streep (Kay Graham) continua sendo Meryl Streep, ou seja, a maior atriz do cinema atual, sempre arrasa e merece todas as 21 indicações ao Oscar de melhor atriz que já teve, inclusive por seu trabalho em “The Post”. Tom Hanks (Ben Bradlee) começa o filme fazendo um bom trabalho, mas logo cai num tom um pouco forçado e caricatural.

Ou seja, “The Post” é sim um bom filme, mas um longa dirigido por Spielberg, com Meryl Streep e Tom Hanks no elenco, se espera mais.

O longa foi indicado a dois Oscar : Melhor filme e atriz (Meryl Streep).

Sinopse: Kat Graham (Meryl Streep) é a dona do The Washington Post, um jornal local que está prestes a lançar suas ações na Bolsa de Valores de forma a se capitalizar e, consequentemente, ganhar fôlego financeiro. Ben Bradlee (Tom Hanks) é o editor-chefe do jornal, ávido por alguma grande notícia que possa fazer com que o jornal suba de patamar no sempre acirrado mercado jornalístico. Quando o New York Times inicia uma série de matérias denunciando que vários governos norte-americanos mentiram acerca da atuação do país na Guerra do Vietnã, com base em documentos sigilosos do Pentágono, o presidente Richard Nixon decide processar o jornal com base na Lei de Espionagem, de forma que nada mais seja divulgado. A proibição é concedida por um juiz, o que faz com que os documentos cheguem às mãos de Bradlee e sua equipe, que precisa agora convencer Kat e os demais responsáveis pelo The Post sobre a importância da publicação de forma a defender a liberdade de imprensa.

Dê sua Opinião